domingo, 13 de agosto de 2017

Feliz é quem diz 💗












 
Porque se existem projectos que adoro e com os quais identifico-me, este, é sem dúvida, um deles!
Descubram
aqui qual é e ... sejam felizes! 😍💗😍

domingo, 6 de agosto de 2017

"Não se pode falar do deserto como de uma paisagem, porque, apesar da sua variedade, ele é ausência de paisagem.
Essa ausência lhe atribui a sua realidade.
Não se pode falar do deserto como de um lugar; porque ele é, também, um não-lugar; o não-lugar de um lugar ou o lugar de um não-lugar.
(...)
Não se pode pretender que o deserto seja o vazio, o nada. Nem se pode pretender que seja o termo, porque ele é igualmente o começo."

Edmond Jabés  em "A Obscura Palavra do Deserto"

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

"Acendeu o candeeiro ao lado e olhou a água-marinha brilhando na sua mão. Como se a pedra tivesse atravessado o mar para vir ter com ela, num movimento inevitável, muito mais seguro e rigoroso do que qualquer acto humano.
Voltara aonde pertencia, ao lugar de onde nunca teria partido, se os humanos não fossem loucos, erráticos e aleatórios, como folhas levadas pelo vento."
 
Teolinda Gersão  em "Prantos, amores e outros desvarios"

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Vida Do Mar

"Quantas tardes, eu vou, sozinho, passear
Ao longo do brumoso e soluçante mar ...
E vejo, ao cair do sol nas ondas abrasadas,
Entre as rochas que estão de espuma coroadas,
Tristes habitações de pobres pescadores ...
Telhados pra abrigar soluços, ais e dores.
São choupanas onde há postigos e janelas,
Donde a Tristeza vê, ao longe, as brancas velas,
Navios onde vai ao leme a Saudade ...
Sopra um vento que traz a viuvez e a orfandade ..."

Teixeira de Pascoaes  em "Para a Luz"

segunda-feira, 10 de julho de 2017

"Isto filhos, a poesia e a cozinha são irmãs" (XIV)

 
Tarte de maçã e creme de baunilha. Gelado de caramelo. Esferas de maçã cozidas em xarope de canela perfumadas com raspa de limão. Rosmaninho.
Gordice do fim-de-semana. Sem açúcar e lacticínios. Inspiração de Lua Cheia.
💗😋💗😋

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Rua de São Paulo

"Em certas ruas de Lisboa cheira a Índia.
Na Rua de São Paulo por exemplo
a certas horas pode navegar-se
pela rua fora como em nenhum mar. Então
cheira a pimenta e a canela. E ao cheiro dela
 
Lisboa ainda se despovoa mesmo que
dela apenas se parta não partindo
ou caminhando pela Rua de São Paulo
até chegar àquela estrofe onde se avista
a Índia que só há dentro de nós."

Manuel Alegre  em "Nada está escrito"

sábado, 1 de julho de 2017

"Isto filhos, a poesia e a cozinha são irmãs" (XIII)

 
Espinafres salteados com cogumelos, batata assada no forno. Almôndegas de tofu com endro e cebola roxa em aveludado de beterraba com lima e creme de coco. Pastel de grão e salsa. Fragmentos de aveia com geleia de arroz e canela. Almoço de hoje. 💗😋😋💗

domingo, 25 de junho de 2017

Sintra e o seu Castelo (II) 💗


Caderno Moleskine

"Há sempre um poema para escrever
nas páginas do caderno Moleskine.
E mesmo que não esteja a apetecer
neste Mundo em tão grande desatino
chateia a musa até acontecer.
Pouco importa que afine ou desafine
o que importa é que traga o verbo ser
para torcer as voltas ao destino
nas páginas do caderno Moleskine."
 
Manuel Alegre em "Nada está escrito"

"Isto filhos, a poesia e a cozinha são irmãs" (XII)

 
Caril com couscous de cebolinho e lima. Topping de legumes assados, manga e sementes. Almoço de hoje. 💗😋😋💗